facebooktwitter_2youtube

Home Notícias Semana da Bio
Semana da Bio

 Primeira Semana da Biologia - IFSULDEMINAS - Campus Poços de Caldas

IMG_6615Com uma programação variada composta por palestras e minicursos, o curso de Licenciatura em Ciências Biológicas do IFSULDEMINAS – Campus Poços de Caldas realizou entre os dias 11 e 15 de setembro a Primeira Semana da Bio. O evento teve como objetivos principais difundir o conhecimento técnico-científico de áreas das Ciências Biológicas e provocar a interação entre estudantes e pesquisadores de diversas instituições de ensino favorecendo o intercâmbio e a expansão do conhecimento de diferentes áreas de pesquisa. 

De acordo com a professora e coordenadora do evento, Jane Piton Serra Sanches, que contou com os estudantes na organização, "a semana foi muito boa, atendeu seu objetivo de trazer para os alunos conhecimentos mais aprofundados e outros que não são abordados no curso regular. Que recebemos, além de nossos alunos, pessoas de outras instituições, que elogiaram muito os cursos, palestras e toda a organização do evento.  O evento foi muito enriquecedor para todos os que participaram e para todo o curso de Ciências Biológicas."

f96556a3-17fb-44e4-b310-e751ed622f2b

Dentre as atividades ofertadas, a que mais chamou atenção foi o minicurso Manejo de Serpentes, no entanto outros temas bem instigantes foram tratados, tais como: pedagogia da alternância, mamíferos na conservação ambiental, papel do biológoco na consultoria ambiental, meliponicultura, palinologia, geoprocessamento, direitos humanos, tecnologia cervejeira, o ensino na Finlândia, medicina chinesa, aranhas, dentre outros. Marina Gonçalves dos Anjos, do 6º período, integrou a comissão organizadora e ressaltou os conteúdos diversos que chamaram a atenção do público e o coffee break: “no meu conceito a semana foi muito satisfatória, depois de tempos organizando e correndo atrás de tudo é muito emocionante ver tudo ocorrendo da forma que planejamos. Não pude estar presente em todos os minicursos mas pelos comentários, foram todos muito legais, e na minha opinião nos que estive presente o que mais me chamou atenção e me agradou mais foram os de mamíferos com destaque dos morcegos, já que nunca havia tido contato com um antes e o minicurso de serpentes onde tivemos o contato com serpentes e adrenalina com algumas peçonhentas. E claro que não poderia falar sobre o nosso delicioso coffee break, um momento de descanso e harmonia junto com os colegas e público presente.”

“A primeira semana da Bio foi algo muito gratificante pra mim tanto como aluno quanto para organizador. As palestras e minicursos abrangeram as mais diversas áreas da Biologia, desde o biólogo em campo até o biólogo em sua empresa. Posso afirmar que foi muito conhecimento acrescentado em um período de tempo relativamente curto. Espero que os próximos anos sejam assim”, afirmou Flávio Oliveira Santos, estudante do 6º período.

3ca98115-07e6-4c53-be8e-327c21d2f017A estudante Janaína Magalhães Flor, do 6º período, ressaltou a qualidade dos minicursos e palestras oferecidos e a importância da parte prática: "a primeira semana da Biologia realizada no IF de Poços de Caldas foi maravilhosa. Não pude participar de todos os eventos oferecidos, mas os que eu pude comparecer foram muito interessantes, em especial a palestra sobre as aranhas e sua importância médica. Eu sempre fui uma pessoa que tinha um medo enorme de aranhas, e no dia da palestra eu pude ver que elas não são tão assustadoras e por incrível que pareça, consegui até pegar uma na minha mão. Foi um momento muito especial pra mim, proporcionado por este evento tão bacana que o pessoal organizou. Espero que nos próximos anos esse evento continue, pois foi uma semana onde aprendemos sobre diversos assuntos interessantes, os quais contribuiram muito para a nossa formação acadêmica."


Saiba tudo que aconteceu dia a dia!

Primeiro dia

A palestra de abertura proferida pelo biólogo Renato Gaiga, salientou a importância da capacitação do profissional biólogo para o mercado de trabalho e do seu papel na consultoria ambiental. O biólogo Gledson Bianconi abordou em seu minicurso a importância dos mamíferos na conservação ambiental, e como o homem influencia nos ambientes levando ao desaparecimento das espécies. O minicurso proporcionou aos participantes a prática de coleta de morcego. A pedagoga Andrea Marrafon, trouxe a discussão sobre a Pedagogia da Alternância. Os congressistas ainda puderam participar das palestras proferidas pelos biólogos Herivelton Moreira e Camila de Oliveira que demonstraram como projetar espaços urbanos sustentáveis. 

camera Confira, em nosso Face, todas as fotos do primeiro dia!

Segundo dia

O biólogo Gledson Bianconi deu sequência ao minicurso sobre mamíferos. O engenheiro florestal Allan Arantes ensinou como usar programas computacionais para interpretar a paisagem. A administradora Sylvana Almeida repassou noções de gestão e empreendedorismo para biólogos e a geógrafa Melina Mara de Souza explanou sobre a palinologia, estudo dos fósseis de grãos de pólen a fim de verificar como as plantas se distribuíram no passado. Ouça a palestra na íntegra! Para fechar o dia, o biólogo Flávio Vilas Boas relatou sobre o tema aranhas e como estes animais podem ser importantes para o controle de pragas e na medicina.  Ouça a palestra na íntegra!

camera Confira, em nosso Face, todas as fotos do segundo dia!

Terceiro dia

Os participantes do minicurso Manejo de serpentes, ministrado pelo criador de serpentes Alessandro Fernandes Pereira, estiveram em contato com variados tipos e experimentaram as diversas sensações. As serpentes provocaram fascinação entre os presentes, e ao final descobriram que são maravilhas da natureza. Outro minicurso bastante interessante foi de Introdução à Meliponicultura, apresentado pelo professor Rubens Marcelo de Castro, no qual tratou-se da criação racional de abelhas sem ferrão, um mercado ainda pouco explorado, mas com grande potencial de crescimento, o que é melhor, ecologicamente correto. Os cursistas puderam aprender como montar um meliponário e as características determinantes que o local deve conter para o sucesso da meliponicultura, tais como: onde instalar o meliponário, o sombreamento, os ventos e a água potável. A criação de abelhas sem ferrão e a sua exploração racional, podem contribuir para a preservação das espécies e dar ao meliponicultor oportunidade de obter mel, trabalhar com educação ambiental, multiplicação de colônia ou aluguel de colmeias para polinizar plantações de árvores frutíferas e café, com o objetivo de aumentar a produtividade. De acordo com Rubens, a criação de abelhas deve ser algo rentável e altamente econômico, para isso, “é bom focar em três espécies no máximo, e com intuito comercial. As abelhas mandaçaias e jataís são as mais fáceis de mexer.” Pensando nos benefícios do ponto de vista ambiental, científico, social e técnico desta criação, o IFSULDEMINAS – Campus Poços de Caldas construiu um meliponário em suas dependências. Diretos humanos e a proteção ambiental foram temas da palestra proferida pelo Prof. Fabiano Melo, docente da PUC Minas e pelo Secretário de Estado de Direitos Humanos, Participação Social e Cidadania de Minas Gerais, Nilmário Miranda. Os palestrantes abordaram as questões ambientais e o papel do estado na proteção à biodiversidade e aos direitos humanos. O engenheiro de alimentos Flávio Rodrigues Domingues, na sua palestra abordou o processo produtivo e microbiologia da cerveja, aprofundando os conhecimentos a respeito da tecnologia cervejeira. 

camera Confira, em nosso Face, todas as fotos do terceiro dia!

Quarto dia

No penúltimo dia da Primeira Semana da Bio aconteceram as práticas dos minicursos de Manejo de serpentes e Introdução à Meliponicultura. Nessa prática foram montadas as caixas extras, realizada inspeção nas colmeias e divisão das mandaçaias. No minicurso Aprendizagem baseada em problemas e projetos, Jaqueline Carlos Bender e Marcio Bender Machado apresentaram aos cursistas a metodologia de desenvolvimento de projetos. Ouça a palestra na íntegra! A palestra ministrada por Lia Polegato Castelan abordou a visão do corpo, saúde e tratamento de doenças na medicina tradicional chinesa. A médica demonstrou a relação custo benefício favorável da medicina chinesa, quando comparada com terapias ocidentais, que utilizam medicamentos ou cirurgias. As terapias de tratamento como acupuntura, fitoterapia e a alteração de hábitos alimentares e de estilo de vida são muito menos onerosas. Lia explica a diferença das duas terapias: “a acupuntura estimula as capacidades auto curativas do corpo, enquanto a fitoterapia utiliza substâncias não refinadas e bem mais suaves do que os produtos farmacêuticos.” E vai muito além, o papel da medicina chinesa é detectar porque o paciente está doente, como chegou a essa condição e o que precisa fazer para voltar a ficar e manter-se bem, “para ilustrar podemos citar o medo que acomete o rim, a angústia e preocupação adoecem o estômago e dão azia e gastrite nervosa, a raiva adoece o fígado, tristezas adoecem o pulmão, o estresse afeta o coração e preocupação exterioriza na boca”, sintetizou Lia.

Jaqueline Carlos Bender e Marcio Bender Machado participaram do Programa Professores Para o Futuro, parceria entre Brasil e Finlândia, que enviou profissionais das instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica com o objetivo de entenderem como funciona o sistema de ensino do país. Na palestra O Ensino Finlândes, os palestrantes contaram a experiência de três meses de intenso aprendizadoOuça a palestra na íntegra! 

camera Confira, em nosso Face, todas as fotos do quarto dia!

 

Quinto dia

No último dia, o minicurso do professor Mateus Santos apresentou as ferramentas computacionais que podem ser utilizadas em salas de aula, tais como: dropbox, ferramentas google e microsoft, kahoot e socrative. Os cursistas puderam experimentar algumas delas, como por exemplo google sala de aula. O minicurso de coleta e preparo de material botânico ocorreu na Fundação Jardim Botânico de Poços de Caldas. Marco Antônio Correa Varella palestrou sobre a evolução biológica, e Jaroslava Varella Valentona relatou como ocorre a seleção sexual no meio animal. Ouça a palestra na íntegra! 

camera Confira, em nosso Face, todas as fotos do quinto dia!

Texto ASCOM, com informações da Coordenadora do Evento
Ascom/IFSULDEMINAS - Campus Poços de Caldas
Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.
20/09/2017, às 17:39