Ensino

facebooktwitter_2youtube

Home Notícias Meliponário
Meliponário

 Campus convida interessados em desenvolver pesquisas com abelhas sem ferrão

 

foto 1Novas pesquisas sobre abelhas nativas dão visibilidade a um nicho de produção que apresenta potencialidades favoráveis aos pequenos produtores: a meliponicultura. Diante deste cenário, o IFSULDEMINAS – Campus Poços de Caldas mantém um meliponário para produção de abelhas nativas, também conhecidas como sem ferrão, ou indígenas, que são essenciais para polinização de diversas plantas naturais do Brasil. Além de produzir produtos muito apreciados e com razoável valor econômico, como mel, própolis e pólen, entre outros, elas têm um comportamento sofisticado, com alto grau de socialização. Entretanto, elas podem conviver harmonicamente com o ser humano, em centros urbanizados, pois seus ferrões são atrofiados.

Pesquisas realizadas por diversas instituições científicas têm estudado melhores formas de manejo e gestão dos meliponários. O Campus Poços desenvolve uma pesquisa sobre o mel produzido pelas abelhas nativas, que varia de acordo como o período do ano em que é produzido e com o tipo de dieta artificial disponibilizada.foto 2

Publicação da pesquisa

Recentemente os professores Isabel Ribeiro do Valle Teixeira e Rubens Marcelo de Castro em parceria com os professores da Universidade Federal de Alfenas (UNIFAL), Angel Roberto Barchuk e Luiz Beijo, bem como os bolsistas Juliana Carvalho e Flavio Cruz publicaram no International Journal of Agriculture Innovations and Research o artigo “Physicochemical characteristics of honey produced by Melipona quadrifasciata colonies: seasonal variations and influence of food supplementation” que traz importantes dados sobre os efeitos físico-químicos das mudanças climáticas nas estações seca e chuvosa em nossa região.

O trabalho mostra que naturalmente a composição nestas duas estações sofre grandes modificações no mel de mandaçaia (nome popular desta abelha). Ademais, quando necessário, em situações em que as colônias destas abelhas estão enfraquecidas, é comum que se ofereça dietas. Porém, a testar as dietas mais comuns utilizadas por meliponicultores, vimos que algumas destas podem alterar intensamente, dependendo da estação, a composição do mel produzido. Acesse aqui o trabalho na íntegra.

Convite

foto 3Os interessados em desenvolver novas pesquisas e tecnologias com abelhas sem ferrão, como a citada acima, deve entrar em contato com a professora Isabel Teixeira, coordenadora da equipe do Meliponário de Poços de Caldas, pelo e-mail: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

O projeto foi destaque no programa Terra da Gente, transmitido pela EPTV. A reportagem tratou sobre a criação de abelhas em casa. Assista!

Texto e fotos: Profa. Isabel Teixeira
Ascom/IFSULDEMINAS - Campus Poços de Caldas
Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.
15/12/2017, às 14:01