Ensino

facebooktwitter_2youtube

Home Notícias Semana da Mulher
Semana da Mulher

 Teve música, dança, atividades esportivas, debate e palestras na semana de luta das mulheres

IMG_2042Entre os dias 06 e 09 de março, o IFSULDEMINAS – Campus Poços de Caldas promoveu a Semana da Mulher. O objetivo foi dar visibilidade a esse movimento de luta por direitos e conquista de espaços que tem sido negados às mulheres. A iniciativa de realizar a Semana partiu da Comissão de Saúde e Qualidade de Vida do Servidor e Projeto Calendário Social (SAE).

Durante o evento, os participantes tiveram a oportunidade de interagir uns com os outros nas apresentações culturais de música e dança, além de atividades esportivas. Ainda, tratar de temas relacionados à saúde, gênero e raça nas palestras e debates. As discussões acerca da exclusão, mas também de poder e resistência, mostraram que as mulheres têm o direito ao exercício da liberdade e do poder.IMG_2351

De acordo com uma das organizadoras, a psicóloga Josirene de Carvalho Barbosa, o Dia Internacional da Mulher representa mais do que uma comemoração, é um dia de luta e de resistência. “Nós, mulheres, temos ainda muito pelo que lutar! Estamos a cada dia alcançando conquistando mais espaços e fazendo valer nossos direitos, mas temos que nos manter vigilantes. Queremos o direito de falar por nós”, ressaltou.

Programação

A programação teve início no dia 06, com apresentação cultural conduzida pela assistente de alunos do Campus e educadora ambiental, Lilian Fernandes. A dança apresentada está ligada às práticas xamânicas de reconexão com a natureza e a importância da valorização do Sagrado Feminino. “Através dessas práticas é possível acessar outras formas de conhecer a realidade e interagir com ela, resgatando a capacidade humana de sentir, comunicar harmonizar com seu meio ambiente”, explicou Lilian.

IMG_2402No dia seguinte, a equipe feminina de futsal do Campus, formada por servidoras e funcionárias terceirizadas, apresentaram em conjunto com as alunas, um futebol de primeira. A plateia bem animada, torceu, vibrou e incentivou nossas iniciantes. Para Josirene, o futebol representa para a mulher, qualidade de vida e interação enquanto espaço de conquista. “Através do futebol, as mulheres expressam que podem fazer tudo, elas podem ser o que quiserem”, comentou Melina Mara de Souza, professora e jogadora. Além do futebol, o segundo dia contou com uma divertida aula de zumba, ministrada pelo professor de dança, Eugênio Tomé da Silva. O professor elencou os vários benefícios da dança para as mulheres, dentre eles, a melhora do equilíbrio e coordenação motora, o alívio do estresse, a promoção de novas amizades, sem contar o principal atrativo - o emagrecimento, fato que interfere positivamente na autoestima delas.WhatsApp Image 2018-03-20 at 20.15.54

O terceiro dia de evento contou com as palestras Saúde da Mulher: o que eu tenho a ver com isso?, com Rosana Tavares, psicóloga da UNIFAL; e Mulher, Gênero e Raça, ministrada por Margarete Edul da UFAC. Lançamento da cartilha Gênero e Raça: Por uma educação sem discriminação fez parte das atividades. “Num mundo permeado por múltiplos estranhamentos foi um prazer presenciar a professora Margarete com toda sua vivacidade e desprendimento esmiuçar e desmistificar os conceitos de raça e gênero visando contribuir para um ambiente escolar livre de preconceitos ao tratar destes termos como elementos que se transmutam em igualdade na educação quando corretamente compreendidos”, Fábio Geraldo de Ávila, assistente social do Campus e um dos organizadores da semana.

IMG_2455O debate Mulheres no funk: práticas e representações com as participantes: Lerice Garzoni, Berenice Santoro e Josirene Barbosa; e a palestra Mulheres e Cotidiano: lutas em tempo de barbárie, ministrada por Meire de Souza Neves da UNESP, marcaram o encerramento da Semana. O cotidiano é o locus em que são travadas as estratégias de sobrevivências. Muito oportuna a reflexão que a assistente social Meire conduziu acerca das lutas da mulher de hoje. Segundo Fábio, “a realidade nua e crua numa sexta feira a noite parecia ser uma aposta arriscada, mas o que se reproduziu em nosso auditório foram olhos vidrados na figura marcante que atraiu a atenção, não por sua persona, mas pela sua postura, reflexões e questionamentos que trouxe à tona na sua explanação.”IMG_1879

Na segunda (12), as integrantes do coletivo feminino FemHelp, Thaisha Almeida e Laísa Tavares, promoveram uma roda de conversa com estudantes e servidores, na qual discutiram assuntos como violência doméstica, feminicídio, movimentos feministas e suas vertentes, relacionamento abusivo, dentre outros temas.

camera face_icone_transparenteConfira todas as fotos da semana: Atividades culturais e esportivas e Palestras e debate !

 

Texto: Heliese Pereira
Fotos: Heliese Pereira, Flávio Oliveira e Fábio de Ávila
Ascom/IFSULDEMINAS - Campus Poços de Caldas
Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.
22/03/2018, às 10:50